25.11.10

De cara

quando você chega
por mais que eu queira
e tente não mostrar
toda a erupção
salto de mim e te abraço
a menor porção continua sentada e imóvel
a intenção é tamanha
materializando a ternura da alegria
do perfume da pele da aura
isso me encanta de tal maneira
que não tem ponto nem vírgula
nem um pingo de vergonha...

2 comentários:

Anna Laura disse...

Adoro teus textos. Virei tua mais nova seguidora. Abraços!

Dudu disse...

Oi, Anna! Seja sempre bem vinda! Me passa teu (s) bolg (s) também! Abração!